Viajar? Só com a Louis Vuitton como guia.

É raro levar guias nas minhas viagens. Devo tê-lo feito duas vezes, em toda a vida. Uma vez na Grécia – foi extremamente útil, pois sofri todo o tipo de peripécias, desde o cancelamento de voos domésticos em grego a acidentes de viação – e outra vez em Paris – por ter só um fim-de-semana para aproveitar e tentar mostrar o máximo possível ao meu marido, que era a primeira vez que visitava aquela cidade. Lembro-me que de repente o guia de Paris ganhou vida própria. Passou a constar em todas as fotografias que tirávamos, tornou-se no protagonista da viagem. Não sei onde andam essas fotos, que isto de fotografar em digital tem esses inconvenientes… perdem-se facilmente. Mas adorava revê-las.

Claro que as imagens teriam muito mais estilo se o guia fosse Louis Vuitton, que desde 1998 partilha com os seus leitores uma selecção de moradas mágicas para as melhores compras, os restaurantes mais in e os spots mais originais para visitar, sugeridos por convidados especiais, especialistas locais que revelam as suas escolhas para a melhor experiência de viagem. Hotéis, bares, cafés, casas de chá, lojas, spas, antiquários, museus, galerias de arte, designers, mercados, clubes de jazz, tudo captado pelas lentes dos fotógrafos de viagens mais experientes – nada lhes escapa.

Os City Guides da Louis Vuitton já são um clássico, actualizado todos os anos e com cada vez mais cidades no cardápio. Este ano há quatro novos destinos – Banguecoque, Chicago, Praga e Roma -, que vieram juntar-se a Paris, Londres, Hong Kong, Los Angeles, Miami, Nova Iorque, Pequim, São Paulo, Seoul, Cape Town, Sidney, Cidade do México, Rio de Janeiro, Berlim, Moscovo, Tóquio, Veneza, Singapura, Istambul, Milão e Xangai.

Os Louis Vuitton City Guides chegam agora em versão mobile. 25 cidades ao alcance de um touchscreen, por 9,99 euros cada.
Os Louis Vuitton City Guides chegam agora em versão mobile. 25 cidades ao alcance de um touchscreen, por 9,99 euros cada.

Mas a maior novidade não são as novas cidades. É a chegada destes guias em versão digital. A app Louis Vuitton City Guides chega em Novembro para complementar esta colecção. As 25 cidades vão estar disponíveis para download por 9,99 euros cada na App Store e a grande vantagem é que, ao contrário do que acontece com os guias em papel – se são actualizados todos os anos se se justificar -, contam com actualizações instantâneas nos cerca de 500 endereços que cada guia disponibiliza, além do sistema de localização, acesso às redes sociais, possibilidade de guardar moradas nos favoritos e até de enviar um postal electrónico.

Tela monograma por fora, uma cor para cada cidade por dentro. Até os estojos para iPhone e iPad obedecem ao tema de cada capital.
Tela monograma por fora, uma cor para cada cidade por dentro. Até os estojos para iPhone e iPad obedecem ao tema de cada capital.

Para que nada falte aos viajantes que usarem os Louis Vuitton City Guides na versão mobile, a Louis Vuitton criou ainda uma linha de capas para iPhone e iPad em pele com e sem o Monograma LV e em quatro cores diferentes, inspiradas em quatro cidades: azul para Paris, amarelo para Roma, encarnado para Pequim e cor-de-rosa para Tóquio.

Os aficionados do papel também não são esquecidos: existe uma edição limitada dos guias numa caixa especial em madeira que inclui 15 cidades. À venda em exclusivo nas lojas Louis Vuitton.

boite-p3115-bangkok-o

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *